Câmara de Vereadores homenageia famílias que contribuíram para o crescimento de Abelardo Luz

Comunidade17.11.17

A Moção foi proposta pelo vereador Carlos de Sennes Pinto e aprovada por unanimidade. Participaram do evento, ainda, os vereadores Tiago Kosinski e Germino Gotardo, e a vereadora Carla Kleinebing.

A Câmara de Vereadores entregou nesta quinta-feira (16), na sede da Cooperativa Central Aurora Alimentos, em Abelardo Luz, Moção de Congratulação às treze famílias que contribuiriam financeiramente para aquisição de uma área de terra visando à construção do Frigorífico de Aves Avepar, hoje Aurora. A Moção foi proposta pelo vereador Carlos de Sennes Pinto e aprovada por unanimidade. Participaram do evento, ainda, os vereadores Tiago Kosinski e Germino Gotardo, e a vereadora Carla Kleinebing.

Conforme o vereador Carlinhos, a Moção é o reconhecimento para as pessoas que realmente acreditaram no projeto. Lembrou que no dia 9 de setembro de 2005 foi assinado um protocolo de compromisso entre o município de Abelardo Luz com a empresa Aves do Parque Ltda- Avepar, sendo que a principal obrigação da prefeitura era doar uma área de terra a ser adquirida pelo município, com superfície de 276.500 m2, localizada às margens da Rodovia SC-467, com 250 metros de frente e 1.106 metros de fundos até o rio Estrela, constante de parte do imóvel de propriedade de Joarez Martins, distante cerca de 2 km do perímetro urbano.

“Mas o município não tinha recursos para adquirir esta área, então houve a ideia de levantar com os agricultores da região e foi feita uma reunião, quando muitos acreditaram no sonho para transformar Abelardo Luz, de um município agrícola também para industrial. Quem conviveu em Abelardo Luz, antes do frigorífico e depois, percebeu a evolução, o município cresceu e aumentou a arrecadação. Por isso, nós temos que ter este reconhecimento, das pessoas que acreditaram no projeto e o projeto está aqui, é o futuro de nosso município”, conta o vereador.

O gerente do frigorífico, Ricardo Fritzen agradeceu aos que acreditaram no empreendimento, que foi possível graças à doação da terra, resultando hoje em 1.400 empregos, exportação de 60% da produção, com o abate diário de 135 mil frangos. “Este é um empreendimento que realmente dependeu do progresso e do esforço de cada um de vocês. Viver o presente é também olhar para esta indústria, que dá um retorno de mais de R$ 42 milhões em ICMS. E olhando o futuro, a gente também reivindica ao Poder Público, já que temos vagas de aviário e precisamos dobrar esta indústria para gerar mais mil empregos. Nós já estamos habilitados para a Rússia, África, Japão, Oriente Médio, Hong Kong, enfim toda a Ásia, e a semana passada saiu para esta planta aqui a habilitação para a China. Esta unidade vai seguir forte e dar orgulho para quem realmente acreditou no projeto inicial”, reforça.  

O produtor e empresário, Fabricio Stefani, um dos homenageados, garante  que o investimento valeu a pena. “É a nossa maior fonte de empregos do município, a geração de emprego e renda que a Aurora representa no município é ímpar. É um prazer e uma realização pessoal ver que uma pequena contribuição foi importante para uma grande empresa se instalar em nosso município”, afirma.  

A Moção foi entregue às famílias de Alaor Vilmond, Decundino Oliveira da Luz, Constantino Pacheco (In Memorian), Jamil Deutt, José Carlos Momesso, Evandro Guerra, Fabrício Stefani, João Dalben (In Memorian), Ademar Tacca, Lori Mell, Regis Martins, Luiz Carlos Bauer e Família Dissenha.